Home > Áreas Diversas > Campanha de sensibilização dos ...
Campanha de sensibilização dos riscos psicossociais e emergentes no sector do comércio e serviços

 A Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP), na qualidade de entidade promotora, pretende desenvolver um projecto ajustado a uma campanha de sensibilização na área dos riscos psicossociais e emergentes no sector do comércio e serviços, com o apoio da Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT).

 

Este projecto encontra-se na fase de preparação da candidatura, estando a CCP a trabalhar com as associações co-promotoras, com vista à sua formalização até ao final do corrente ano.

 

 Este projecto a desenvolver em 2011, funcionará num sistema de parceria, integrando as 17 associações do sector que manifestaram interesse em aderir a esta iniciativa.

 

A campanha deverá centra-se, fundamentalmente, na divulgação de medidas preventivas, dirigidas quer a empregadores quer a trabalhadores, que tenham efeito prolongado na actividade profissional.

 

A Campanha tem como principais objectivos:

 

·         Sensibilizar a sociedade e os actores determinantes no sector (empresários, trabalhadores do sector do comércio e serviços) para os efeitos negativos dos riscos psicossociais na saúde do indivíduo e na diminuição da qualidade dos serviços e da produtividade;

·         Estudar/conhecer as causas, (dentro e fora da empresa), como se revelam e qual a dimensão dos factores de riscos psicossociais no Contexto Laboral (inquérito/amostra estratificada/por sub-sector);

·         Construir uma metodologia que identifique as origens, dentro e fora da empresa, causadoras de riscos psicossociais no Trabalho;

·         Definir uma estratégia e um modelo de intervenção nas empresas para a redução dos factores de riscos psicossociais;

·         Fornecer competências aos empresários, aos trabalhadores e quadros sindicais para a criação de ambientes de trabalho saudáveis;

·         Divulgar medidas/boas práticas que poderão ser implementadas nas empresas para evitar ou reduzir os factores de riscos psicossociais e que contribuam para a construção de ambientes de trabalho saudáveis.

 

Os riscos profissionais objecto da Campanha a desenvolver serão os seguintes:

 

  1. Violência no trabalho;
  2. Consumo de álcool e de psicotrópicos em contexto de trabalho;
  3. Discriminação (HIV, homossexualidade, entre outros factores);
  4. Stress.
  5. Assédio

 Importa ainda referir que a campanha terá uma duração de 1 ano, estando o arranque previsto para o início de 2011.